Você está aqui: Página Inicial > Editora da UNILA | EDUNILA > Livros > A Segunda Guerra Mundial e a Tríplice Fronteira
conteúdo

A Segunda Guerra Mundial e a Tríplice Fronteira

publicado 29/03/2021 10h54, última modificação 30/03/2021 08h35
A vigilância aos “súditos do eixo” alemães e italianos

a segunda guerra mundial e a tríplice fronteiraSobre o livro

 

Como o fenômeno global da Segunda Guerra Mundial impactou na então remota tríplice fronteira entre Argentina, Brasil e Paraguai? O livro A Segunda Guerra Mundial e a Tríplice Fronteira – A vigilância aos “súditos do eixo” alemães e italianos pretende apresentar uma resposta baseada em uma pesquisa histórica que perpassa toda a experiência acadêmica do autor, o professor de História das Relações Internacionais na UNILA, Micael Alvino da Silva.

 

Quando o Brasil declarou guerra ao Eixo, em janeiro de 1942, intensificou-se o movimento de vigilância aos “súditos do Eixo”, como eram chamados os alemães, italianos e descendentes. O autor se esforça para contextualizar esse movimento como algo que ocorreu na Europa, nos Estados Unidos e nas grandes cidades do Brasil, sem perder de vista a dimensão local. A onipresença do nazismo chegou até mesmo a lugares como a então decadente região da Tríplice Fronteira.

 

Além de apresentar o contexto histórico global, americano e brasileiro, no livro são descritas duas frentes de vigilância aos alemães e italianos locais: a identificação de possíveis subversivos e o afastamento de pessoas da fronteira internacional do Estado do Paraná. No enfrentamento aos subversivos, destacam-se as prisões de Emil Mohrhoff e do padre Manoel Koenner. Na outra frente, cerca de 80 famílias foram obrigadas a deixar suas residências sob a justificativa de representarem potencialmente uma ameaça à segurança nacional e continental.

 

Este é um livro sobre eventos internacionais e decisões políticas que impactaram a vida de algumas dezenas de famílias. Nesse sentido, é uma “história conectada” que articula as dimensões local e global. É também uma história de uma região internacional, sobre um período muito diferente do que se tornaria a partir dos anos 1970. É também uma história da Tríplice Fronteira na década de 1940.

 

Sobre o autor

 

Micael Alvino da Silva é doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (USP). Pesquisador e coordenador do Grupo de Pesquisa sobre a Tríplice Fronteira (CNPq). Possui experiência de pesquisa no National Archives (Washington, Estados Unidos), no Arquivo Histórico do Itamaraty (Rio de Janeiro) e no Arquivo Público do Paraná (Curitiba). Pesquisa os seguintes temas: História das Relações Internacionais Americanas (1933-1954) e História da Tríplice Fronteira (Argentina, Brasil e Paraguai).

 

 

Ano de publicação: 2021

Autor:  Micael Alvino da Silva

Idiomas: Português 

Número da edição: 1ª

Número de páginas: 140

ISBN: 978-65-86342-12-3

 

  

BAIXAR E-BOOK