conteúdo

Atendimento à Saúde

publicado 25/10/2017 15h47, última modificação 24/01/2019 16h10
Departamento de Atendimento à Saúde do Estudante da UNILA – DEAS

 A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE), através do Departamento de Atendimento à Saúde (DEAS), conta com uma equipe de profissionais da área da saúde que atuam como referência para o acolhimento das demandas estudantis referentes a este tema.

O DEAS está situado no Parque Tecnológico de Itaipu (PTI), Bloco 3, Espaço 2, e atende das 08:00 às 12:00 e das 13:00 às 17:00. Esta equipe é composta por enfermeiras (2), técnicos de enfermagem (2) e médico (1), que tem por objetivo atuar na promoção de saúde e prevenção de doenças e agravos.
O DEAS também pode ser contatado pelo através do telefone: +55 45 35292115 ou pelo e-mail: saude.deas@unila.edu.br.


A atuação do DEAS tem por base a perspectiva da educação em saúde, por meio da qual busca acolher os estudantes, promover e desenvolver ações e atividades no campo da saúde, na direção da construção de saberes e na adesão a hábitos que conduzem a uma melhoria da qualidade de vida dos estudantes, por meio de diferentes estratégias, considerando a diversidade sociocultural do corpo discente da UNILA. Também tem como ação a elaboração e distribuição de materiais educativos em saúde, de livre acesso.

Além do enfoque da educação em saúde para a prevenção de doenças e agravos, o DEAS realiza a atualização de calendário vacinal do adulto, em parceria com o Serviço de Vigilância Epidemiológica do Município de Foz do Iguaçu e/ou Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, a avaliação das condições sanitárias e de saúde das moradias e alojamentos e a confecção de Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) aos estudantes não brasileiros, possibilitando acesso integral ao SUS, dentre outras ações.

Por não se constituir em um serviço de atendimento clínico em saúde, e não estar vinculado ao SUS, o DEAS se propõe a realizar o acolhimento das questões de saúde dos estudantes em livre demanda e orientar quanto ao fluxo de acesso ao serviço de saúde do município, a fim de que possa inserir-se na rede de assistência através da Unidade Básica de Saúde, Saúde da Família ou através das Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e, deste modo, acessar o atendimento com integralidade.
Sendo assim, o DEAS oferece suporte ao estudante quanto ao acesso ao cuidado em saúde e às políticas públicas de saúde, oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), através de orientações quanto as demandas de cuidado em saúde visando potencializar o processo de autonomia estudantil.

 

Rede de Atenção à Saúde em Foz do Iguaçu – Atenção Básica e Urgência e Emergência

O atendimento integral as demandas de saúde do estudante da UNILA é realizada por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), que é um dos maiores sistemas públicos de saúde do mundo. Ele abrange desde o simples atendimento ambulatorial até o transplante de órgãos, garantindo acesso integral, universal e gratuito para toda a população do país.

Para ter acesso ao SUS os estudantes devem portar o Cartão Nacional de Saúde (Cartão SUS), os estudantes brasileiros que ainda não o possuírem podem fazê-lo na Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência; já os estudantes não brasileiros devem procurar o DEAS para fazer o cartão, munidos de CPF, Comprovante de residência e RNE.

A entrada para o serviço de saúde no município se dá, preferencialmente, por meio da Atenção Básica, que compreende as Unidades de Saúde da Família (USF) e Unidades Básicas de Saúde (UBS). O atendimento à saúde nesta estratégia é territorializado, ou seja, o estudante deve ser atendido na USF/UBS mais próxima de sua residência. As unidades de Saúde funcionam em horários diferentes e oferecem uma série de serviços de saúde, sendo necessário informar-se sobre as rotinas disponíveis na UBS de referência.

 

Unidades Básicas de Saúde de referência para os alojamentos estudantis

Os estudantes que residem nos alojamentos Premier, Hawai, De Bona, Ismoris, Skala e Itamaraty são atendidos pela UBS Parque Presidente que fica na Avenida da República n° 450, no bairro Parque Presidente, das 07:00 às 13:00 hs. Telefone: 3522-4482.

Os que residem no alojamento Paranoá são atendidos pela UBS Jardim América situado na rua Di Cavalcanti s/n, no bairro Jardim América, das 07:00 às 18:00 hs. Telefone 3901-3444.

Os residentes no alojamento da Tancredo são atendidos pela UBS Porto Belo no endereço Avenida Zacarias Vitelino da Silva s/n, no bairro Jardim Irmã, das 07:00 às 15:00 hs. Telefone 3524-9580.

Atenção: Para atendimento nas UBS ou atendimento de urgência e emergência é necessário levar o Cartão SUS e os documentos pessoais.

 

Unidades de Atendimento de Urgência e Emergência

Como alternativa à Atenção Básica, caso exista a necessidade de atendimento de saúde fora do horário de atendimento das USF/UBS, em fins de semana e feriados, ou em casos de urgência ou emergência, o estudante poderá se dirigir até a Unidade Pronto Atendimento (UPA) João Samek ou Pronto Atendimento (PA) Morumbi, que funcionam 24 horas por dia.

Vale lembrar que a UPA e o PA atendem conforme a classificação de risco e não por ordem de chegada. Portanto, se o caso clínico for classificado como de baixo risco, o usuário estará sujeito aguardar o atendimento das demandas mais urgentes que a sua, podendo levar algum tempo que o mesmo seja atendido. Endereços da UPA João Samek e PA Morumbi:

  • UPA João Samek (próximo à Vila A)

Rua Iacanga, s/n – esquina com Avenida Silvio Américo Sasdelli. Bairro Jardim das Palmeiras. Telefone: 2105-8000.

  • PA Morumbi

Avenida Mário Filho, s/n. Bairro Primeiro de Maio. Telefone: 2105-8050.

A Rede de atendimento às urgências e emergências do município também conta com o Serviço de Transporte Móvel de Urgência (SAMU) e Serviço de Atendimento a Traumas e Emergências (SIATE), que contam com equipe de referência para iniciar o atendimento às demandas de saúde consideradas de risco à vida, in loco, com direcionamento à instituição de saúde de referência para cada caso.

A equipe do SAMU é referência para casos de desmaio, convulsões, queimaduras graves, ferimentos com sangramento intenso, dores fortes (peito, abdômen e coluna), problemas cardíacos e respiratórios, trabalho de parto, suspeita de derrame, intoxicações, envenenamento etc; e pode ser acionada através do telefone 192.

Já em casos de traumas (acidentes de trânsito, quedas, afogamentos e fraturas) quem deve ser acionado é o SIATE, pelo telefone 193.

Atenção: Para acionar as equipes de SAMU/SIATE, o contatante deverá estar visualizando a vítima, uma vez que deverá informar brevemente o que se passa para que seja dimensionado o atendimento e transporte adequado ao caso.

Desse modo, se for necessário acionar o SAMU/SIATE para um atendimento no PTI, de segunda a sexta-feira, das 08:00h às 17:00h, o DEAS deve ser contatado para realizar o acionamento destas equipes. Fora do horário de expediente, qualquer pessoa poderá acioná-los, lembrando-se de avisar imediatamente a barreira de controle de Itaipu 3520-6265, para que liberem a entrada do veículo. Para os casos de acionamento do SAMU/SIATE para um atendimento na Unila Jardim Universitário, alojamentos estudantis ou qualquer outra localidade, qualquer pessoa que estiver em contato com a vítima poderá acioná-los.

registrado em: prae