Você está aqui: Página Inicial > Mestrado > Mestrado em Engenharia Civil > Bancas de Qualificação
conteúdo

Bancas de Qualificação

publicado 07/02/2019 17h59, última modificação 20/05/2019 15h49
Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil (PPG-ECI)

 

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

Carlos Eduardo de Oliveira

Título do Trabalho

Utilização de Sistema de Informação Geográfica na determinação de áreas para implantação de aterros de resíduos de construção e demolição: Estudo de caso no município de Cianorte/PR.

Constituição da Banca

Prof. Dr. Samuel Fernando Adami (Presidente – PPG ECI)

 

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna – PPG ECI)

 

Prof. Dr. Noé Villegas Flores (Examinador Externo ao PPG ECI)

 

Data

30/05/2019

Horário

10:00

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

O crescimento do setor construtivo acarretou no aumento da produção de detritos advindos das operações desta esfera, fazendo eclodir a preocupação com a gestão dos resíduos de construção e demolição (RCD). Contudo, em diversas regiões do Brasil, ainda existe grande dificuldade em se realizar a disposição adequada destes materiais. No município de Cianorte, no Noroeste do Paraná, enquanto os resíduos sólidos domiciliares são direcionados a um aterro sanitário modelo, o RCD é depositado em pontos de descarte sem qualquer gerenciamento. Esta pesquisa tem como objetivo determinar as áreas mais adequadas para a implantação de um aterro de resíduos de construção e demolição na cidade, levando em consideração aspectos ambientais e econômicos. Para isto, através de Sistemas de Informação Geográfica (SIG), foram criados mapas temáticos, os quais serão combinados a partir de Análise e Tomada de Decisões por Multicritério (MCDA), gerando, como resultado, um mapa com identificação dos locais mais ou menos adequados para a instalação do empreendimento. Além disso, espera-se definir um procedimento de análise passível de ser replicada em outros municípios, estimulando a gestão dos resíduos advindos da construção civil.

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

Wagner de Almeida Ferreira

Título do Trabalho

Uso da análise modal como método de estimação dos efeitos de segunda ordem em estruturas de concreto.

Constituição da Banca

Prof. Dr. Ivan Dario Gomez Araujo (Presidente – PPG ECI)

Prof. Dr. André Jacomel Torii (Examinador Interno – PPG ECI)

Prof. Dr. Paulo Cesar Gonçalves (Examinador Externo à Instituição)

Data

23/05/2019

Horário

10:00

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

Trabalhos recentemente apresentados mostram que existe uma relação entre período natural de vibração e os efeitos globais de segunda ordem nos pórticos de concreto armado, essa relação ocorre porque ambos dependem essencialmente das matrizes de rigidez e de massa da estrutura. São desenvolvidas formulações com a finalidade de demonstrar e validar um fator de amplificação que seja capaz de aproximar satisfatoriamente os efeitos globais de segunda ordem. No entanto, os estudos anteriores consideram simplesmente a adição de carga como aumento de massa e não leva em conta o efeito das cargas existentes na estrutura internamente nos elementos estruturais e a sua influência nas caraterísticas dinâmicas. Portanto, pretende-se incluir o efeito das cargas existentes na estrutura nos elementos e a partir da influência das características dinâmicas (frequências naturais e modos de vibração) avaliar os efeitos de segunda ordem e as possíveis amplificações dos esforços nos elementos estruturais. Serão realizadas análises sobre modelos do tipo: pilar e pórtico regulares de concreto armado. As amplificações serão avaliadas por meio de frequências naturais e modo de vibração, para o pilar e o pórtico. Assim, este trabalho de forma geral visa obtenção de um parâmetro alternativo de cálculo, baseado na frequência natural e modo de vibração da estrutura, para ser utilizado como um indicador da necessidade ou não da consideração dos efeitos globais de segunda ordem em estruturas de concreto.

 

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

Carlos Alberto Caldeira Brant

Título do Trabalho

Formulação termodinâmica do acoplamento corrosão-fissuração em estruturas de concreto armado.

Constituição da Banca

Profa. Dr. Julio Florez Lopez (Presidente – PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna – PPG ECI)

Prof. Dr. Sergio Persival Baroncini Proença (Examinador Externo à Instituição)

Data

28/05/2019

Horário

15:00

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

O objetivo deste trabalho é propor um modelo matemático para o acoplamento da corrosão, fissuração e plasticidade em análise de estruturas de concreto armado. Para isso, é levado em consideração a corrosão devido a presença de íons cloretos no concreto que desencadeia a diminuição da seção transversal das barras de aço e a penalização da tensão de escoamento. Para modelagem do comportamento estrutural, esta pesquisa baseia-se na teoria do dano concentrado que permite cálculos inelásticos de estruturas. Como fundamentação teórica para o modelo matemático proposto são utilizados alguns conceitos e leis da termodinâmica de sólidos. Essa teoria clássica é, primeiramente, adaptada a estruturas tipo pórticos – termodinâmica de pórticos –. Essa termodinâmica, por sua vez, é validada com modelos matemáticos auxiliares já consolidados na literatura: modelo elástico, modelo elastoplástico com encruamento cinemático linear, modelo com dano frágil e modelo elastoplástico com encruamento cinemático linear que contém dano. O modelo proposto neste trabalho é denominado elastoplástico com encruamento cinemático linear, dano e corrosão, sendo que as variáveis internas utilizadas são rotação plástica, nível de dano e nível de corrosão. O modelo proposto foi utilizado para simulação de uma laje maciça de concreto armado. Na simulação da laje, pôde-se notar que o incremento da corrosão no tempo causa incrementos da fissuração, gerando a plastificação da seção transversal mais solicitada após anos do processo corrosivo. Acelerando o processo corrosivo, a evolução do dano provoca a diminuição do tempo de corrosão para que surja a primeira rótula plástica.

 

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

William de Araujo Thomaz

Título do Trabalho

Avaliação do Módulo de Elasticidade de diferentes concretos empregando métodos de ensaio não destrutivos.

Constituição da Banca

Profa. Dra. Edna Possan (Presidente – PPG ECI)

Profa. Dra. Glaucia Maria Dalfré (Examinadora Interna – PPG ECI)

Profa. Dra. Giovanna Patrícia Oyamada (Examinadora Externa à Instituição)

Data

30/05/2019

Horário

14:00

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

O módulo de elasticidade é uma das principais propriedades do concreto e está associada à deformação máxima permitida em projetos estruturais. Contudo, os ensaios atuais são destrutivos e demandam tempos elevados de realização devido aos ciclos de carregamento necessários, além de também consumir um número elevado de corpos de prova. Sendo assim, este projeto visa apresentar a importância do estudo do módulo de elasticidade do concreto por meio dos ensaios não destrutivos de pulso ultrassônico e da técnica de excitação por impulso (TEI). O trabalho consiste em analisar corpos de prova de concreto com variadas resistências, idades de cura e agregados. Com os resultados obtidos será possível validar os métodos não destrutivos na inspeção de estruturas de concreto, propor uma formulação matemática entre o módulo de elasticidade dinâmico e estático e contribuir para a melhoria da norma técnica brasileira.

 

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

Fernando Souza Davies

Título do Trabalho

Influência da lixiviação na resistência do concreto.

Constituição da Banca

Profa. Dra. Ana Carolina Parapinski dos Santos (Presidente – PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna – PPG ECI)

Prof. Dr. Selmo Chapira Kuperman (Examinador Externo à Instituição) 

Data

30/05/2019

Horário

16:30

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

A lixiviação é uma manifestação patológica de estruturas de concreto que dissolve e carreia os compostos hidratados do cimento, principalmente o hidróxido de sódio, e afeta principalmente as estruturas que permanecem em contato constante com a água. A lixiviação desses compostos pode resultar na degradação do concreto, pois diminui a resistência dos materiais cimentícios, aumenta a porosidade e gera manifestações patológicas conhecidas como eflorescências. Este estudo tem por objetivo avaliar a resistência mecânica de diferentes pastas a base de cimento quanto á lixiviação, após perderem mais de 25 % da quantidade original de cálcio. Para realizar o estudo será necessário produzir três campanhas experimentais, variando tipos de cimento, relações água / cimento e métodos de ensaio de lixiviação. Como o processo de lixiviação desses compostos é lento, neste estudo será necessário estudar o problema através de um processo de lixiviação acelerado, utilizando a imersão dos corpos de prova de pasta de cimento em solução de cloreto de amônia com concentração 2 M, que acelera a lixiviação comparado com um processo utilizando água deionizada. Também será realizado um ensaio de percolação de água deionizada por corpos de prova através de um permeâmetro para correlacionar os resultados de percolação com os de imersão. Os corpos de prova serão ensaiados à compressão axial em prensa hidráulica e com pulso ultrassônico aos 0, 7, 14, 28, 56, e 90 dias após o início do ensaio de lixiviação, também será medida a porosidade e avaliado o pH das amostras. Além disso, serão realizadas análises químicas da solução de imersão e da água deionizada para avaliar a quantidade de compostos hidratados dissolvidos. Espera-se que os resultados indicam que as pastas de cimento tenham redução na resistência a compressão axial maior 50 % quando tiverem mais que 25 % da quantidade de cálcio lixiviada. Também se espera que os cimentos pozolânicos apresentam resistência maior à degradação por lixiviação e que seja possível encontrar a correlação entre os diferentes métodos de ensaios de lixiviação.

 

 

Bancas 2018 

 

 

Natureza da Banca Exame de Qualificação

Discente

Elsa Diana Correa Morel

Título do Trabalho

Utilização de Sistemas de Informações Geográficas e Análise Multicriterial na Seleção de Locais para Disposição Final de Resíduos da Construção Civil em Foz do Iguaçu/PR.

Constituição da Banca

Prof. Dr. Samuel Fernando Adami (Presidente - PPG ECI)

Prof. Dr. Ricardo Oliveira de Souza (Examinador Interno - PPG ECI)

Prof. Dr. Noe Villegas Flores (Examinador - UNILA)

Data
03/10/2018
Horário
08:30
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 03 (UAB)
Resumo

A indústria da construção civil é a atividade humana com maior impacto sobre o meio ambiente. Estima-se que 50% dos recursos naturais extraídos estão relacionados à atividade de construção. É ainda, a responsável por aproximadamente 15% do produto interno bruto (PIB) brasileiro, com investimentos que ultrapassam R$ 90 milhões por ano. A escolha de local apropriado para descarte de Resíduos de Construção e Demolição (RCD) deve levar em consideração aspectos ambientais, sociais em conjunto com aspectos técnicos e financeiros. Neste sentido este trabalho visa utilizar o Sistema de Informações Geográficas (SIG) em conjunto com ferramentas de análise multicritério (MCA) para estudar a cidade de Foz do Iguaçu e apontar locais para possível implantação de aterro de resíduos de construção civil. Serão adotados seis critérios iniciais segundo legislação vigente, entre eles uso e ocupação do solo, tipos de solo e distância de recursos hídricos. Tendo definido os critérios foram selecionados dois métodos: Programação de Compromisso (PC), Método Teoria dos Jogos Cooperativos (CGT). Os métodos serão aplicados a 3 combinações distintas de pesos atribuídos aos critérios, obtidos através de questionários aplicados a professores, técnicos e especialistas da área. Com a combinação dos pesos dos questionários, ferramentas SIG e MCA serão gerados mapas de aptidão para implantação de aterro de RCCD.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Dagner Warthon Atauje
Título do Trabalho
Análise térmica do concreto nas primeiras idades: caracterização da geração de calor associada ao calor de hidratação dos cimentos do Brasil.
Constituição da Banca

Prof. Dr. Rodrigo de Melo Laeiras (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Prof. Dr. Étore Funchal de Faria (Examinador Externo - UFRJ)

Data
25/09/2018
Horário
09:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 03 (UAB)
Resumo

 

Com o objetivo de garantir a funcionalidade de uma estrutura de concreto e minimizar o risco de fissuração de origem térmica, é de muita importância o conhecimento da geração de calor pela reação exotérmica de hidratação do cimento. No presente trabalho, foram analisados os diferentes tipos de calorímetros que são utilizados na indústria da construção: calorímetro adiabático, semi-adiabático e isotérmico. Primeiramente foi realizada a caracterização da geração de calor de oito tipos de cimentos mais comercializados do Brasil considerando a calorimetria Isotérmica e comparando com a calorimetria semi-adiabática. Também fez-se uma revisão bibliográfica que aborda o problema térmico de estruturas de concreto para fazer uma validação do comportamento térmico por meio da elaboração de um cubo de concreto no laboratório. Nomeadamente será realizado a caracterização do material cimentício LC3 e assim prever a geração de calor deste novo material e comparar com os demais materiais cimentícios. Com base nos resultados esperados será possível obter as curvas de geração de calor dos cimentos do Brasil assim como um calorímetro semi-adiabático validado para medição de novos materiais cimentícios.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Fernanda Lenzi
Título do Trabalho
Análise experimental e analítica de pilares submersos reforçados com mantas de CFRP submetidos a ciclos de umidade e umidade Constante.
Constituição da Banca

Profa. Dra. Gláucia Maria Dalfré (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Profa. Dra. Silvana de Nardin (Examinadora Externa - UFSCAR)

Data
03/09/2018
Horário
09:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 03 (UAB)
Resumo

Visando avaliar o comportamento e a degradação ao longo do tempo de pilares curtos de concreto armado reforçados externamente com mantas de fibra de carbono quando submetidos à umidade, este projeto baseia-se na análise experimental, por meio de ensaios de compressão axial, e na análise analítica, por meio do desenvolvimento de modelos analíticos, de pilares curtos de concreto armado, parte confinados com manta de fibra de carbono aplicada segundo a técnica EBR (Externally Bonded Reinforcement, em língua inglesa). Para tal foi realizada também a análise do comportamento dos materiais intervenientes, por meio de ensaios de tração uniaxial de corpos de prova de resina epoxídica e de corpos de prova de manta de fibra de carbono, os quais foram submetidos à ciclos de umidade e à umidade constante. Deste modo espera-se a proposição de um coeficiente de degradação por umidade, caso obtida de forma significante, assim como a proposição da atualização dos códigos ou normas da especialidade a partir dos resultados e da análise da campanha experimental.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Néstor Fabián Acosta Medina
Título do Trabalho
Caracterização do comportamento pós-fissuração do concreto autoadensável reforçado com fibras de aço de elementos de pequena espessura.
Constituição da Banca

Prof. Dr. Rodrigo Lameiras (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Prof. Dr. Ivan Dario Gomez Araujo (Examinador Interno - PPG ECI)

Data
03/07/2018
Horário
08:30
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 04 - Sala 03 (UAB)
Resumo

A identificação do comportamento constitutivo à tração do Concreto Reforçado com Fibras (CRF) representa um aspecto importante do projeto de elementos estruturais usando esse material. Embora tenha sido dado um passo importante com a introdução de orientações para a concepção com CRF regular no recentemente publicado fib model code 2010, ainda é necessária uma melhor compreensão do comportamento deste material, principalmente quando se trata do comportamento do concreto com propriedades de autoadensabilidade. Neste projeto está sendo proposto uma investigação experimental focada na caracterização do comportamento pós-fissuração do Concreto Autoadensável Reforçado com Fibras de Aço (CARFA) para moldar elementos estruturais de pequena espessura. Pretende-se avaliar diferentes métodos de caracterização e se comparar os resultados obtidos com os resultantes do ensaio normatizado de flexão a três pontos (Three Point Bending Test - 3PBT). As propriedades mecânicas do CARFA serão correlacionadas à distribuição das fibras através da análise dos resultados obtidos com os diferentes testes. Finalmente, a lei constitutiva de abertura de fissura versus tensão proposta pelo fib model code 2010 será analisada à luz dos resultados experimentais.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Marcio Evandro Guimarães
Título do Trabalho
Avaliação de asfalto-borracha de excessiva viscosidade modificado com poliestireno descartado.
Constituição da Banca

Prof. Dr. Ricardo Oliveira de Souza (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Profa. Dra. Lilian Ribeiro de Rezende (Examinadora Externa à Instituição)

Data
02/07/2018
Horário
08:30
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 04 (UAB)
Resumo

No Brasil a pavimentação de ruas, avenidas e estradas são executadas quase que totalmente com misturas asfálticas. Nessas misturas o ligante asfáltico tem papel fundamental na coesão, resistência ao afundamento de trilha de roda, resistência à fadiga e resistência ao trincamento térmico. O desempenho desses ligantes pode ser melhorado com a adição de modificantes (SBS, EVA, HDPE, polímeros borracha de pneus, entre outros). Neste estudo avalia-se o comportamento de ligante asfalto-borracha de elevada viscosidade modificado com poliestireno descartado, comparado a um ligante asfáltico convencional. A avaliação envolverá ligantes envelhecidos e não envelhecidos, para os quais serão analisados a influência da percentagem de adição do poliestireno, o tempo de mistura mecânica ligante-poliestireno e a temperatura de adição do resíduo. Todos os ligantes serão submetidos aos ensaios de penetração, ponto de amolecimento, ponto de fulgor, viscosidade, cisalhamento dinâmico, fluência em viga e envelhecimento de curto e de longo prazo. Por meio deste estudo pretende-se desenvolver ligantes asfato-borracha-poliestireno, de modo a provar que a adição de poliestireno é eficaz na redução da viscosidade excessiva de ligantes asfalto-borracha.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Eduardo Rigo
Título do Trabalho
Avaliação da captura de CO2 devido à carbonatação de concretos com resíduos de construção de demolição.
Constituição da Banca

Profa. Dra. Edna Possan (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Katia Regina Garcia Punhagui (Examinadora Interna - PPG ECI)

Profa. Dra. Giovanna Patrícia Gava Oyamada (Examinadora Externa à Instituição)

Data
21/06/2018
Horário
14:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 04 - Sala 01 (UAB)
Resumo

A indústria do cimento foi responsável em 2014 por 4,1% das emissões de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera. O concreto, durante sua vida útil e no período pós demolição, pode capturar CO2 através do processo de carbonatação. Essa reação ocorre devido ao caráter ácido do dióxido de carbono, que reage com os hidróxidos presentes no concreto, produzindo sal e água. Se discute na literatura que a captura de CO2 pelo concreto pode ser uma medida de compensação do dióxido de carbono emitido pela produção de cimento. Porém, nos estudos existentes, há divergências quanto à potencialidade de captura de CO2 durante sua vida útil e no período pós demolição. Devido à essas discordâncias e o contexto de reaproveitamento de resíduos, visto que esses são extensamente produzidos pela indústria da construção civil e capazes também de capturar CO2, justifica-se estudar a potencialidade da captura de CO2 de concretos constituídos com resíduos de construção e demolição. O objetivo geral desse estudo é avaliar o potencial de captura de CO2 devido à carbonatação de concretos produzidos com ou sem resíduos de construção e demolição (RCD), considerando os períodos de vida útil de projeto (VUP) e de pós-demolição da estrutura, avaliando o efeito da granulometria e a forma de exposição. O experimento foi divido nas seguintes etapas: ensaios de caracterização dos materiais, produção dos concretos, variando-se os teores de substituição de agregados naturais por reciclados (RCD’s) e a relação água/cimento, avaliação de propriedades no estado fresco e endurecido dos concretos gerados e avaliação da carbonatação e captura de CO2 dos concretos por meio dos métodos acelerado e natural. Pretende-se, de modo geral, verificar a potencialidade da captura de CO2 dos concretos gerados, bem como comprovar se a captura de CO2 pode ser uma medida mitigadora das emissões de CO2 pelo processo de produção do cimento.

 

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Cláudio Neumann Junior
Título do Trabalho
Avaliação do processo de lixiviação em concreto compactado com rolo – o caso de Itaipu.
Constituição da Banca

Profa. Dra. Ana Carolina Parapinski dos Santos (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Prof. Dr. Selmo Chapira Kuperman (Examinador Externo à Instituição - USP)

Data
06/06/2018
Horário
14:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 03 (UAB)
Resumo

O estudo do desempenho a longo prazo de concretos de obras especiais é relevante principalmente quando estas dizem respeito a empreendimentos de infraestrutura crítica. Estruturas de concreto em contato constante com a água são sujeitas ao fenômeno da lixiviação, através do qual ocorre o transporte de partículas, em especial o hidróxido de cálcio, para o meio externo, acarretando aumento da porosidade, absorção e diminuição das propriedades mecânicas como a resistência à compressão. Existem diversos fatores que colaboram em maior ou menor intensidade para tal ocorrência. O objetivo deste estudo é retomar a investigação do processo de lixiviação do concreto de enchimento da fundação da Casa de Força da hidrelétrica de Itaipu Binacional, tendo em vista que estudos realizados até o ano de 1993 indicaram não haver riscos à estabilidade dessa estrutura, que pudessem comprometer o funcionamento dos equipamentos eletromecânicos, motivo pelo qual foram parcialmente descontinuados desde então. Embora a instrumentação demonstre comportamento satisfatório desse trecho, inexistem estudos específicos a respeito das características atuais do concreto ali aplicado. Dentre os drenos de fundação existentes nesta região, três deles concentram as maiores vazões, atualmente na ordem de 2 l/s, cujas análises químicas indicam que a lixiviação do concreto de enchimento continua ocorrendo, embora os teores de compostos dissolvidos sejam muito menores do que aqueles constatados no início do processo. Serão extraídos testemunhos de concreto para realização de ensaios em laboratório, dentre os quais a resistência à compressão, como forma de se complementar os ensaios químicos e estabelecer correlação entre os mesmos, para avaliar a necessidade ou não de alguma intervenção na estrutura.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Darwin Onésimo Jaime Camacho
Título do Trabalho
Cobogós: Uma análise estética – funcional em relação à iluminação natural.
Constituição da Banca

Prof. Dr. Herlander da Mata Fernandes Lima (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Katia Garcia Punhagui (Examinadora Interna - PPG ECI)

Profa. Dra. Rosana Maria Caram (Examinadora Externa à Instituição - IAU / USP)

Data
28/05/2018
Horário
14:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 03 (UAB)
Resumo

Dentro das oito regiões bioclimáticas que o Brasil apresenta, grande parte do seu território é dominado por um clima quente e úmido. Nessas regiões, o uso de iluminação e ventilação natural é uma estratégia de projeto muito importante, que deve ser considerada essencial na concepção de projetos arquitetônicos. Neste contexto, os elementos vazados dentro deles, o cobogó, são uma alternativa arquitetônica que pode ser usada para diminuir as condições deste tipo de clima, já que proporcionam iluminação e ventilação natural permanente, bem como proteção contra insolação e privacidade no interior do ambiente. Diante desses aspectos, neste trabalho de pesquisa pretende-se fazer um mapeamento dos elementos vazados (cobogós) mais utilizados no mercado brasileiro, desta forma, estudar e analisar, por meio de simulações computacionais, qual deles apresenta o desempenho mais adequado para situações em que é necessária uma iluminação natural maior; bem como verificar a relação entre forma e função.

Natureza da Banca Exame de Qualificação
Discente
Camila Rovaris
Título do Trabalho
Estudo de Mercado para ampliação do uso da madeira para a construção de habitações.
Constituição da Banca

Profa. Dra. Katia Regina Garcia Punhagui (Presidente - PPG ECI)

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna - PPG ECI)

Prof. Dr. Vanderley Moacyr John (Examinador Externo à Instituição)

Data
22/05/2018
Horário
14:00
Local
PTI - Bloco 08 - Espaço 03 - Sala 02 (UAB)
Resumo

Esta pesquisa visa avaliar o mercado consumidor de habitações em madeira buscando identificar, sob o foco do usuário, os pontos positivos e negativos do emprego do material neste fim, bem como suas motivações de aquisição/uso e grau de satisfação; e por meio desses subsídios e análise de estratégias internacionais existentes para a ampliação do uso da madeira em aplicações de longo prazo na construção, analisar possíveis estratégias específicas para edificação de moradias no Brasil. Para isso pretende-se: caracterizar o mercado nacional de habitação em madeira, suas técnicas construtivas usuais, normatização; realizar um levantamento de movimentos e iniciativas internacionais para promoção do uso da madeira na construção para auxílio no embasamento de estratégias; identificar potencialidades e obstáculos para o uso do material segundo o ponto de vista do consumidor (usuário) e dos agentes do mercado de habitações em madeira com realização questionários; e analisar possíveis soluções para as dificuldades por meio de estudos de casos e discussão de propostas com expertos do setor. Como resultado pretende-se identificar os fatores que cooperam para o baixo emprego da madeira em fins de longo prazo na construção de habitações no Brasil, bem como, colaborar com estratégias para a expansão do seu uso.

Natureza da Banca

Exame de Qualificação

Discente

Carlos Eduardo de Oliveira

Título do Trabalho

Utilização de Sistema de Informação Geográfica na determinação de áreas para implantação de aterros de resíduos de construção e demolição: Estudo de caso no município de Cianorte/PR.

Constituição da Banca

Prof. Dr. Samuel Fernando Adami (Presidente – PPG ECI)

 

Profa. Dra. Edna Possan (Examinadora Interna – PPG ECI)

 

Prof. Dr. Noé Villegas Flores (Examinador Externo ao PPG ECI)

 

Data

30/05/2019

Horário

10:00

Local

PTI - Bloco 08 - Espaço 02 - Sala 05 (UAB)

Resumo

O crescimento do setor construtivo acarretou no aumento da produção de detritos advindos das operações desta esfera, fazendo eclodir a preocupação com a gestão dos resíduos de construção e demolição (RCD). Contudo, em diversas regiões do Brasil, ainda existe grande dificuldade em se realizar a disposição adequada destes materiais. No município de Cianorte, no Noroeste do Paraná, enquanto os resíduos sólidos domiciliares são direcionados a um aterro sanitário modelo, o RCD é depositado em pontos de descarte sem qualquer gerenciamento. Esta pesquisa tem como objetivo determinar as áreas mais adequadas para a implantação de um aterro de resíduos de construção e demolição na cidade, levando em consideração aspectos ambientais e econômicos. Para isto, através de Sistemas de Informação Geográfica (SIG), foram criados mapas temáticos, os quais serão combinados a partir de Análise e Tomada de Decisões por Multicritério (MCDA), gerando, como resultado, um mapa com identificação dos locais mais ou menos adequados para a instalação do empreendimento. Além disso, espera-se definir um procedimento de análise passível de ser replicada em outros municípios, estimulando a gestão dos resíduos advindos da construção civil.