Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Engenharia Civil de Infraestrutura promove concurso de pontes de macarrão
conteúdo

Ensino

Engenharia Civil de Infraestrutura promove concurso de pontes de macarrão

Atividade é realizada pelo Programa de Educação Tutorial (PET) e objetiva a aplicação dos conhecimentos adquiridos em sala de aula
publicado: 16/11/2018 19h06, última modificação: 16/01/2019 13h18

Aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula para construir uma estrutura de ponte utilizando macarrão. Essa é a proposta do 1° Concurso de Pontes de Macarrão, organizado pelo Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Engenharia Civil de Infraestrutura. O concurso será realizado no dia 22 de novembro, às 13h, no PTI (bloco 3, espaço 3, sala 3). Podem participar acadêmicos da UNILA e da Unioeste que estudam nas dependências do PTI. As equipes devem ser formadas por no mínimo três e no máximo cinco estudantes. O regulamento pode ser acessado aqui.

Entre os objetivos da atividade estão o de promover a integração entre os estudantes como forma de trocar conhecimento e enriquecer a formação acadêmica e estimular a aplicação de conhecimentos básicos de mecânica, análise estrutural e resistência dos materiais para resolver problemas de engenharia.

De acordo com o regulamento do concurso, a ponte deverá ser construída apenas com massa do tipo espaguete número 7 e colas. Ela deverá ter um vão livre entre 1m e 1,10m e peso máximo de 1kg. “Deverá ser uma ponte treliçada, ou seja, com um sistema estrutural chamado de treliças. O desafio é que a ponte suporte a maior carga com o menor peso de estrutura”, explica o professor Ulises Bobadilla Guadalupe, coordenador do projeto.

Os testes de carga serão realizados da seguinte forma: inicialmente, será aplicada uma carga de 5kg. Se após 20 segundos a ponte não apresentar danos estruturais, ela será considerada habilitada no teste de carga mínima. As cargas posteriores serão aplicadas em incrementos definidos pela comissão organizadora. Será exigido um mínimo de 10 segundos entre cada aplicação de nova carga. A ponte vencedora será aquela que atingir a maior pontuação na relação entre carga de ruptura e peso da estrutura. A comissão que avaliará as pontes será formada por docentes do curso de Engenharia Civil de Infraestrutura da UNILA.

Para saber mais sobre o PET de Engenharia Civil de Infraestrutura, acesse a página do projeto.