Você está aqui: Página Inicial > Mestrado > Mestrado em Biodiversidade Neotropical > Linhas de Pesquisa
conteúdo

Linhas de Pesquisa

publicado 05/10/2018 18h14, última modificação 14/08/2020 18h01
Linhas de pesquisa do Mestrado em Biodiversidade Neotropical

Linha 1. Ecologia

Visa a realização de pesquisas sobre ecologia de organismos, populações, comunidades biológicas e ecossistemas em diferentes escalas espaciais, para o entendimento dos processos mantenedores da biodiversidade e dos impactos sobre sua conservação decorrentes de perturbações antrópicas e naturais. Para formar pesquisadores nessa linha será enfatizado o aprofundamento da base teórica em ecologia sob uma ótica evolutiva, com ampliação da experiência de coleta de dados em campo e de sua análise, em uma perspectiva experimental ou interpretativa à luz da teoria ecológica, procurando distinguir fatores e padrões ecológicos dos históricos. Será propiciada uma base aprofundada de delineamento de pesquisas e de estatística. O conhecimento de diferentes métodos analíticos utilizados em estudos ecológicos será enfatizado, bem como a interação com a linha de pesquisa em sistemática e evolução, devido à necessidade de se compreender os processos atuais em um contexto filogenético-evolutivo.

Linha 2. Sistemática e Evolução

Visa à descrição da biodiversidade neotropical, em especial da representada na Bacia do Paraná, e de suas relações evolutivas e distribucionais, em nível interespecífico e intraespecífico. Esta linha inclui estudos de inventário, revisões taxonômicas, relações filogenéticas e biogeográficas. A interação entre diferentes espécies e entre espécies e ambiente devem ser investigadas em um contexto histórico. Processos geradores de biodiversidade e a relação entre a história da região Neotropical e a história de sua biota poderão ser estudadas por meio de metodologias analíticas aplicadas em dados oriundos de diferentes grupos biológicos. Para formar pesquisadores nessa linha serão trabalhadas as bases teóricas e práticas da sistemática filogenética, taxonomia biológica, evolução, diversidade molecular e biogeografia histórica.

Linha 1. Ecologia