Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Três cursos da UNILA obtêm conceito 4 no Enade 2017
conteúdo

Ensino

Três cursos da UNILA obtêm conceito 4 no Enade 2017

Dois cursos de Engenharia receberam nota 5, de excelência, no Indicador de Diferença entre Desempenho Observado e Esperado (IDD)
publicado: 11/10/2018 15h03, última modificação: 12/01/2019 00h19

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou, nesta semana, o resultado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) aplicado em 2017. Dos seis cursos da UNILA que foram avaliados no ano passado, três obtiveram nota 4, considerada muito boa no conceito Enade. Além disso, dois cursos de Engenharia receberam nota 5, de excelência, no Indicador de Diferença entre Desempenho Observado e Esperado (IDD).

Os cursos de graduação que obtiveram nota 4 no conceito Enade foram Ciências Biológicas – Ecologia e Biodiversidade; Engenharia de Energia; e Geografia (Bacharelado). Outros dois cursos, Engenharia Civil de Infraestrutura e História – América Latina, foram avaliados com a nota 3, considerada boa.

O coordenador do curso de Ciências Biológicas – Ecologia e Biodiversidade atribui a nota do Enade à dedicação dos professores que procuram ofertar uma formação sólida e crítica aos estudantes sobre os diferentes aspectos das Ciências Biológicas. “Sabemos que nossos egressos têm tido ótimas colocações, ingressando na pós-graduação nas melhores instituições do país e fora dele, e também no mercado de trabalho. Esse dado, associado à nota do Enade, ajuda a elevar o nome da UNILA a um patamar mais alto, o que é importante para que a Instituição e o curso sejam cada vez mais conhecidos”, avalia o professor Pablo Henrique Nunes.

"Apesar de ainda termos muito a avançar, este ótimo desempenho nas duas avaliações indica que estamos no caminho certo na busca pela qualificação profissional de nossos egressos e contribui de modo inestimável tanto para a abordagem dos desafios da engenharia na América Latina quanto para sua integração, principal missão da UNILA", destaca o coordenador do curso de Engenharia de Energia, professor Gustavo Rivas. Ele parabenizou o corpo discente, docente e técnico pelos resultados obtidos.

Índice de Desempenho dos Estudantes

A UNILA também foi destaque em outro índice de qualidade da educação superior: o Indicador de Diferença entre Desempenho Observado e Esperado (IDD). Nesse índice, que mensura os conhecimentos que os estudantes concluintes obtiveram ao longo do curso de graduação, os cursos de Engenharia Civil de Infraestrutura e Engenharia de Energia obtiveram a nota máxima (5). Ciências Biológicas e Geografia receberam nota 4 (muito boa), e o curso de História – América Latina obteve nota 3 (boa) . “Esses dois indicadores (IDD e conceito Enade) expressam que o desempenho dos estudantes concluintes dos cursos foi satisfatório, quanto ao desempenho em relação aos conteúdos programáticos e quanto à forma como os relacionam às exigências decorrentes da evolução do conhecimento e para a compreensão de temas externos a sua profissão”, explica a procuradora educacional da UNILA, Débora Villeti Zuck.

Os cursos de Engenharia Civil de Infraestrutura e Engenharia de Energia obtiveram a nota máxima no IDD de 2017.O Enade tem o objetivo de aferir o desempenho dos estudantes em relação a conhecimentos, competências e habilidades desenvolvidas ao longo do curso. Débora lembra que, a partir dos dados levantados no Exame, é calculado o Conceito Preliminar de Curso (CPC), referência no processo de renovação de reconhecimento de cursos feito pelo MEC e que deve ser publicado em novembro. Além disso, esses indicadores são fonte de consulta da sociedade para a busca de informações sobre a qualidade das instituições de ensino superior. “Esses dados são levados em conta tanto pelo egresso que vai para o mercado de trabalho ou para a pós-graduação e leva este ‘selo de qualidade’, como aos possíveis candidatos a ingressantes que buscam no conceito Enade e no IGC a qualidade do processo formativo do curso e da instituição. Por isso, os estudantes do ensino médio estão atentos a esses dois indicadores. Assim, os resultados dessa avaliação têm uma responsabilidade social e, quando realizada de forma responsável e adequadamente, são representativos da qualidade da formação recebida”, destaca.

Os resultados completos do Enade 2017 estão disponíveis no site do Inep. O Exame também avaliou o curso de Arquitetura e Urbanismo, que obteve conceito 2 e IDD 1.