Você está aqui: Página Inicial > Mestrado > Mestrado em Relações Internacionais > Apresentação
conteúdo

Apresentação

publicado 12/11/2018 16h32, última modificação 14/05/2019 18h35
Apresentação do Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais (PPG-RI)

A proposta do programa de pós-graduação em Relações Internacionais insere-se na grande área de Ciência Política e Relações Internacionais, tendo as Relações Internacionais como área de concentração. Este mestrado alicerça-se em três linhas de pesquisa:

(1) Estudos para a Paz, Segurança Internacional e Direitos Humanos;
(2) Desenvolvimento e Capitais Transnacionais e;
(3) Política Externa, Atores e Processos Internacionais.
 

O mestrado em Relações Internacionais tem como finalidade principal formar e desenvolver profissionais com uma ampla, refinada e crítica leitura da realidade e política internacional. Neste sentido, este curso busca equipar seus discentes com competências e habilidades, assim como ferramentas teórico-conceituais, necessárias e indispensáveis, tanto para uma análise aprofundada das dinâmicas e práticas que se desenvolvem no cenário internacional, quanto para uma atuação qualificada nas diferentes esferas e organizações da política internacional. Desse modo, este programa centra-se, sobretudo, no estudo dos diferentes atores, dinâmicas, fluxos e processos que pautem a realidade internacional, tendo em conta uma problematização aprofundada das esferas políticas, econômicas, sociais e culturais. Concomitantemente, o curso busca, também, o alargamento do debate teórico vigente na nossa disciplina, tanto no plano nacional quanto no plano internacional, ao dar voz e priorizar paradigmas teóricos e instrumentos conceituais marginalizados dentro da disciplina das Relações Internacionais.

Com isso, o mestrado em Relações Internacionais da UNILA formará profissionais capacitados e habilitados para uma atuação qualificada como parte integrante dos quadros profissionais tanto de organizações voltadas prioritariamente à prática das relações internacionais, quanto em instituições cujo objetivo central é o ensino e/ou a pesquisa. Com isso, os egressos do programa terão como áreas de atuação, por exemplo: organismos internacionais globais, organismos internacionais regionais, organizações governamentais nos níveis municipal, estadual ou provincial e federal, em áreas que atuem direta ou indiretamente nas relações internacionais, organizações não governamentais nacionais e internacionais, empresas multinacionais, empresas de consultoria, institutos de pesquisa e universidades públicas e privadas.